Defesa – Tese de Doutorado

No próximo dia 27 de novembro, quinta-feira,  às 10h, defesa da tese de doutorado Autorias docente e discente: Pilares de sustentabilidade na produção textual e imagética em redes educativas presenciais e online de Mirian Maia do Amaral

Na contemporaneidade, com a emersão de uma diversidade de modelos autorais e novas formas de colaboração e criação, uma questão desafia os pesquisadores: como autorias coletivas e, ao mesmo tempo singularizantes, podem ser produzidas sob as formas textuais e imagéticas e materializadas em redes educativas, presencial e online? Para responder a essa questão, objetivamos, nessa Tese, identificar indicadores que potencializam e promovem o surgimento de autorias docente e discente, na tessitura do conhecimento, em rede. Amparados pelo paradigma da complexidade, trabalhamos no âmbito da disciplina eletiva Cotidianos e Currículos: uma prática social em formação, integrante do curso de Graduação em Educação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, na perspectiva da pesquisa-formação multirreferencial, e com a ideia de pesquisador implicado com seu campo de pesquisa. Dialogamos, também, com os pressupostos das pesquisas nos/dos/com os cotidianos, apoiados no uso intensivo de dispositivos materiais e intelectuais. Estratégias pedagógicas instituídas a partir de atos de currículo levaram-nos a “pistas” de autorias, que apontaram para dimensões integrativas, formativas e tecnológicas, possibilitando-nos identificar um conjunto de indicadores a elas relacionados. Esses indicadores atuaram como “disparadores”, potencializando o surgimento dessas autorias, sob diferentes formas: na reprodução textual; no planejamento da sintaxe produtiva; na transposição de gêneros do discurso; no uso da oralidade nos meios virtuais; em processos interativos; na cultura remix; e nos recursos argumentativos e linguísticos. A conclusão apontou que, em tempos de cibercultura, a noção de autoria se torna cada vez mais coletiva. O uso de indicadores privilegia processos colaborativos, interativos e dialógicos potencializando o surgimento de autorias em diferentes níveis. 

Banca: Prof. Dr. Márcio Silveira Lemgruber (Orientador), da Universidade Estácio de Sá – UNESA, a Profa . Dra . Estrella D‘Alva Benaion Bohadana, da Universidade Estácio de Sá – UNESA,  a Profa . Dra . Rita Pereira Lima da Universidade Estácio de Sá – UNESA, a Profa . Dra . Adriana Rocha Bruno da Universidade Federal de Juiz de Fora – UFJF e a Profa. Dra. Edméa Oliveira dos Santos da Universidade do Estado Rio de Janeiro – UERJ.

Local: Universidade Estácio de Sá (UNESA). Campus Centro I. Av. Presidente Vargas, 642. Auditório do 22o andar.

Leave your comments - Deixe seus comentários!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s