II Colóquio sobre Tecnologia Assistiva e Inclusão

Dando continuidade às ações do projeto “Inclusão de pessoas com deficiências: desenvolvimento e aplicação de tecnologias assistivas na escola e na vida”, no dia 12 de junho passado foi realizado, no Auditório Fonseca Costa do Instituto Nacional de Tecnologia (INT), o II Colóquio sobre Tecnologia Assistiva e Inclusão, cujo tema foi Tecnologias Assistivas: políticas, inovação e autonomia da pessoa com deficiência. O evento é fruto da parceria entre o Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade Estácio de Sá (PPGE/UNESA) e o INT.

 

II Colóquio sobre Tecnologia Assistiva e Inclusão – Parte I

II Colóquio sobre Tecnologia Assistiva e Inclusão – Parte II

Acesso à programação 

 

Pela manhã, foi realizada a abertura com a participação do Diretor do INT, Fernando Cosme Rizzo Assunção e da Coordenadora do PPGE/UNESA, Alzira Batalha Alcântara.

Abertura.JPG
Mesa de Abertura

Em sequência foi realizada a Mesa Redonda, Tecnologia Assistiva, Desenvolvimento e Inovação, mediada por Saul Eliahú Mizrahi da área de Engenharias de Avaliações e de Produção do INT, com a participação de Maria Cláudia Ferrari de Castro, diretora do Departamento de Tecnologias para Programas de Desenvolvimento Sustentável e Sociais (DEPDS) do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), de  Izadora Martins da Silva de Souza, doutoranda integrante do Grupo de Pesquisa Observatório de Educação Especial e Inclusão Educacional (ObEE) da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) e de Julio Cezar Augusto da Silva  da Divisão de Desenho Industrial e coordenador do Núcleo de Tecnologia Assistiva do INT.

MClaudia 2
Maria Cláudia Ferrari de Castro enfatizou a orientação do MCTIC para o desenvolvimento de produtos e projetos direcionados à pessoa com deficiência e mobilidade reduzida, bem como as ações do Plano Nacional de Tecnologia Assistiva.
Izadora.jpg
Izadora Martins apresentou o desenvolvimento de um protocolo de desenho universal da aprendizagem para orientar a produção de livros didáticos acessíveis.
Julio
Julio Silva mostrou a contribuição do INT para o Desenvolvimento de Tecnologia Assistiva, destacando a produção de cadeiras de rodas diferenciadas que proporcionaram a conquista de medalhas a atletas paralímpicos.

Iniciando as atividades da parte da tarde, foi realizada uma atividade cultural protagonizada pelo flautista Bernardo Saul acompanhado pela cantora Talita Oliveira, apresentada por Ana Paula Pacheco, doutoranda no PPGE/UNESA.

Flautista
Bernando Saul e Talita Oliveira interpretaram a música Carinhoso de Pixinguinha.

Em seguida, teve início a Mesa Redonda Inclusão social e escolar — a autonomia da Pessoa com Deficiência (PcD) mediada por Helenice Maia (PPGE/UNESA) e constituída por  Marta Pires Relvas (Pedagogia/UNESA), Naiara Miranda Rust (Instituto Benjamin Constant)  e José Otávio Pompeu (Núcleo CE/UFRJ) – Tecnologia Assistiva e Autismo.

Marta
Marta Relvas destacou as contribuições neurocientíficas para a Educação Inclusiva, não apenas para as pessoas com deficiência como também para diferentes perfis emocionais, cognitivos e sociais.
Naiara
Naiara Rust apresentou recursos e metodologias pedagógicas utilizados em aulas de Ciências Naturais para alunos com deficiência visual, ressaltando a relevância da utilização de objetos tridimensionais.
otavio
José Otávio Pompeu, identificando-se como autista, enfatizou a relevância de um trabalho individualizado e da incorporação de objetos simples ao processo de aprendizagem.

Ainda na parte da tarde, no momento Em diálogo com a vida, conduzido por Carla Patrícia Guimarães, da área de Desenho Industrial do INT, Alessandro Câmara de Souza, da Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro e Fundação Municipal de Educação de Niterói, e Claudemir do Nascimento Santos, presidente da Associação Vencedores Adaptados (AVA) trouxeram seus depoimentos sobre suas vivências como pessoas com deficiência, visual e física, respectivamente,  enfatizando o papel integrador do esporte.

Por fim, foi realizado o Encerramento do evento com a participação de Julio Cezar Augusto da Silva e Saul Eliahú Mizrahi, do INT, e Helenice Maia e Stella M. Peixoto de Azevedo Pedrosa, do PPGE/UNESA. Nesta oportunidade foram apresentados um breve histórico da parceria PPGE/UNESA e INT, a produção acadêmica resultante e os desafios proporcionados pelas metas a curto, médio e longo prazo.

encerramento 2

 

Apresentação de resultados e metas relacionados aos projetos desenvolvidos em parceria.

 

 

Helenice 2

Profa. Helenice Maia GonçalvesLinha de Pesquisa: Representações Sociais e Práticas Educativas (PPGE/UNESA)

stella 3

Profa. Stella Maria Peixoto de Azevedo Pedrosa – Linha de Pesquisa: Tecnologias de Informação e Comunicação nos Processos Educacionais

 

Anúncios

*Dossiê Educação e Tecnologia: singularidade e contextos*

Com muita alegria, anunciamos a publicação do dossiê “Educação e Tecnologia: singularidade e contextos“, na revista Educação e Cultura Contemporânea, do PPGE/UNESA. Organizada pelos Profs. Giselle Ferreira (PUC-Rio), Jaciara de Sá Carvalho (UNESA) e Márcio Lemgruber (UNESA), o dossiê inclui 21 artigos selecionados a partir de mais de 100 submissões.

Convidamos a todos para navegar, baixar e ler as contribuições, escritas por um conjunto de autores de peso na área no Brasil e em Portugal – aproveitamos para agradecer a todos pelo envio de seus respectivos trabalhos!

Clique aqui para acessar o Sumário da revista, ou navegue diretamente para os artigos a partir dos links abaixo.

Tecnologias digitais na educação: a máquina, o humano e os espaços de resistência (Editorial)
Giselle Martins dos Santos Ferreira, Jaciara de Sá Carvalho, Márcio Silveira Lemgruber

Fundamentos ontológicos e epistemológicos da aprendizagem on-line
Lucila Pesce, Ana Maria Di Grado Hessel

Metodologias ativas, uma solução simples para um problema complexo
Magda Pischetola, Lyana Thédiga de Miranda

A telas e suas imagens técnicas em aceleração na sociedade: questões para a educação
Adriana Hoffmann Fernandes

Ciberterritorialidades: tensões no cotidiano escolar e linhas de fuga traçadas por docentes e discentes
Karla Nascimento de Almeida, Cristiane Mendes Netto, Maria Celeste Reis Fernandes de Souza

CulturaS Contemporâneas: o digital e o ciber em relação
Adriana Rocha Bruno, João Luiz Peçanha Couto

Realidade virtual e realidade aumentada: refletindo sobre usos e benefícios na educação 
Stella Maria Peixoto de Azevedo Pedrosa, Marco Antonio Zappala-Guimarães

Pensamento Computacional, Letramento Computacional ou Competência Digital? Novos desafios da educação
José Armando Valente

O TPACK e a taxonomia dos tipos de atividades de aprendizagem: frameworks para integração da tecnologia na educação
Mariel José Pimentel de Andrade, Anderson Fernandes de Alencar, Clara Pereira Coutinho

Avaliações alternativas em ambiente digital: em busca de um novo modelo teório-prático
Rosilei Ferrarini, Lúcia Amante, Patricia Lupion Torres

Tecnologias na educação brasileira: de contexto em contexto. 
Raquel Goulart Barreto

Tecnologias digitais, inovação e aprendizagem: relações com o empresariamento da educação
Carine Bueira Loureiro, Viviane Klaus, Maria Alice Campesato

Autoria continuada no modelo CEDERJ 
Leonardo Villela de Castro, Anelize Reynoso, Thais Atty, Larissa Correia

A autoria e a narrativa digital na formação de professores de Ciências mediada pelas tecnologias: entrelaçando possibilidades pela escritura de si
Alessandra Rodrigues

Digital Storytelling na formação de professores
Tania Lucía Maddalena, Edméa Santos

O uso de smartphones na sala de aula e a negociação dos sentidos do aprender e da escola 
Tânia F. Resende, Flávia A. Belizário

Os jogos digitais e o exercício das habilidades cognitivas na resolução de problemas
Daniela Karine Ramos, Aline Rocha

Espaços educativos inovadores e o olhar dos professores para a ação docente
Daniela Diesel, João Filipe Matos

Mulheres e Meninas e as tecnologias digitais: o protagonismo feminino em websites
Rita Peixoto Migliora, Carmen Irene Oliveira

Empoderamento e educação na cultura digital
Andrea Brandão Lapa, Antonio Bartolomé Pina, Michel Menou

Usos de tecnologias analógicas e digitais na formação de cidadãos ativos: um percurso com crianças dos 3 aos 9 anos, seus professores, pais e comunidade local 
Vitor Tomé

Inclusão digital e cidadania
Marcelo Vieira Pustilnik, Carlos Eduardo Miranda, Katharine Rafaela Diniz Nunes

Boas vindas…

 

sonia 1 red

Profa. Sonia Regina Mendes

 

Inicialmente, desejamos boas vindas aos nossos alunos que retornam para mais um semestre letivo, sempre com “muita garra”…  Ao menos é o que esperamos!

Também recebemos novos alunos, mestrandos e doutorandos, que rapidamente já estão integrados  aos colegas e a seus orientadores. Sejam bem-vindos!

Boas vindas,  de maneira especial, para nossa mais recente colega: a profa. Sonia Regina Mendes que, desde seu primeiro dia entre nós,  vem contribuindo significativamente com seu conhecimento e sua experiência para o aprimoramento de nossas atividades. A profa. Sonia destaca-se também , entre outros atributos, por sua simpatia e permanente disposição para ajudar aos colegas e alunos.

No momento, a profa. Sonia desenvolve a pesquisa intitulada Regulação, Legitimação e Saberes Docentes nos Processos de Formação, com o objetivo de “compreender  os aspectos relacionados ao desenvolvimento e usos das  tecnologias na educação – atores, relações, práticas e contextos,  a partir da  interação com as políticas públicas educacionais,  os processos de desenvolvimento profissional docente e a criação de redes de colaboração na educação básica“, tendo como campos empíricos os espaços formais e não formais de educação.

Renovados, demos início ao primeiro semestre letivo de 2019, sempre com muito ânimo, entusiasmados com nossas atividades como docentes e pesquisadores,   abertos ao diálogo e prontos para novos desafios!

Sejam todos bem-vindos!

 

 

Lá vem 2019!

confraternizacao_Vale.jpg

Chegamos ao final de 2018 após muito estudo, trabalho e algumas mudanças. Como parte de uma totalidade social, o grupo TICPE não está imune às dificuldades que se impõe ao país e às discussões que mobilizam os que estão comprometidos com a melhoria da educação com justiça social. Seguimos buscando compreender, com os pesquisadores sob nossa orientação, sobretudo no que tange às relações com a tecnologia, as mudanças em curso na política, na cultura, que serão decorrentes das reformas da educação (BNCC e Ensino Médio), entre outras. Sempre com a alegria de estarmos juntos, de podermos dialogar e desenvolver estudos para mobilizar ações.

As parcerias nos mantém unidos, mesmo com a saída institucional de pessoas importantes para nós, como a querida Giselle Ferreira. Seguimos juntos e ampliaremos o grupo com os novos integrantes que chegarão em 2019 – aguardem! Sob esse sentimento de comunhão, queremos desejar esperanças e energias renovadas para o próximo ano que se aproxima. Que estejamos prontos para 2019 e descansados de 2018! 😉

Ano Novo (Ferreira Gullar)

Meia noite. Fim
de um ano, início
de outro. Olho o céu:
nenhum indício.

Olho o céu:
o abismo vence o
olhar. O mesmo
espantoso silêncio
da Via-Láctea feito
um ectoplasma
sobre a minha cabeça:
nada ali indica
que um ano novo começa.

E não começa
nem no céu nem no chão
do planeta:
começa no coração.

Começa como a esperança
de vida melhor
que entre os astros
não se escuta
nem se vê
nem pode haver:
que isso é coisa de homem
esse bicho
estelar
que sonha
(e luta)

# Na foto, professores-orientadores e pesquisadores da Linha TICPE do PPGE-UNESA em confraternização de final de ano, com a presença da Profa. Wânia Gonsalez (Linha PGFE -UNESA).

# Em tempo: as inscrições para o processo seletivo ao mestrado e doutorado em educação estão abertas e há vagas para a linha TICPE.

Contratação de docente para a TICPE: confira edital do processo

O Programa de Pós-Graduação em Educação da UNESA abriu, neste início de agosto de 2018, processo seletivo para contratação de um(a) professor(a) para integrar a Linha de Pesquisa Tecnologias da Informação e Comunicação nos Processos Educacionais (TICPE). O prazo para entrega da documentação compreende o período de 13/08/2018 a 14/09/2018. Os interessados em participar da seleção podem conferir mais informações no edital publicado no site da UNESA.

Nova parceria, agora externa

unnamedApós sete anos atuando na Linha TICPE, nossa querida colega Giselle Ferreira assumirá novos desafios, agora na PUC-Rio. Giselle foi fundamental para a ampliação de abordagens e temas em pesquisas, docência e orientações do Programa de Pós-Graduação em Educação da UNESA, tendo sido coordenadora de Linha por muitos anos. Destacamos, entre suas iniciativas, a criação deste blog, a produção de uma série de e-books, a consolidação do Grupo de Pesquisa TICPE no cenário nacional e nossa inserção em rede de pesquisa internacional.

Este post é uma forma de agradecimento público à Giselle, que continuará conosco em parcerias inter-institucionais e como integrante externa da TICPE.  Desejamos ainda mais sucesso e alegrias nesta nova fase de sua vida acadêmica!

Jaciara, Márcio e Stella 

Education and Technology: call for papers

We are pleased to announce a call for papers for a special issue of Education and Contemporary Culture, the journal published by the Post-Graduate Programme in Education of UNESA (PPGE/UNESA), based in Rio de Janeiro, Brazil. The issue will be organised by members of the TICPE group and will be entitled Education and Technologies: contexts and singularities. 

A broad scope is proposed, as follows:

Discourses and practices surrounding ICTs permeate contemporary Education. The presence-lack of these technologies has been noted and discussed from a variety of perspectives, and positions ranges from a priori, acritical rejection to, on the other extreme, a view of digital technologies as ‘solutions’ for educational problems.

Issue 42 (April 2019) of Education and Contemporary Culture, to be entitled ‘Education and Technologies: contexts and singularities’, aims at presenting a range of perspectives that consider differences and singularities.

We encourage submissions that favour culturally-contextualised approaches dealing with contingencies and singular experiences.

Important: when you submit your article, choose the relevant ‘thematic section’ to indicate you wish your work to be considered for publication on this special issue.

The journal accepts submissions in Portuguese, English and French.

Articles should be submitted on the journal system by 15 October 2018.

Click here to access the journal site.